MONOLINK APRESENTA ‘THE PREY’, TERCEIRO SINGLE DE SEU PRÓXIMO ÁLBUM

Gustavo

Levando uma onda notável de sucesso por trás de seus dois grandes singles de 2020, ‘Sinner’ e ‘Otherside’, Monolink agora busca emular esse esforço em 2021, com o lançamento de sua próxima oferta hipnotizante, ‘The Prey’. Lançado nesta sexta-feira (19) pela Embassy One, Ultra Records e Sweat It Out, ‘The Prey’ é o terceiro single impressionante a ser tirado do famoso produtor alemão, cantor-compositor e multi-instrumentista, próximo álbum de estúdio do segundo ano, e um que o mostra explorar um timbre cada vez mais desanimado e melancólico para seus dois predecessores.

Com um hiato forçado em turnês internacionais lançando uma sombra sobre a maior parte de 2020, Monolink tem canalizado sua criatividade ilimitada, dedicando uma quantidade de tempo sem precedentes para fazer o que ele mais gosta – escrever música. Transportando os ouvintes para sua própria dimensão reflexiva de exploração sônica, as belas harmonias de Monolink são temperadas por batidas lentas e sintetizadores analógicos distorcidos, com sua linha superior inconfundível e letras de marca registrada da iniquidade humana formando a espinha dorsal da narrativa.

‘The Prey’ é uma história de sedução, de usarmos uns aos outros. É uma história de projeção, de apenas se ver no outro. É uma história de realização, de acordar de um sonho.

conta Monolink

Lançado em 2018, o álbum de estreia do Monolink, Amniotic, coletou mais de 100 milhões de streams combinados até o momento. O projeto foi amplamente apoiado por remixes dos titãs das cenas de house e techno modernas, como Patrice Bäumel, Tale Of Us, Rodriguez Jr, Ben Bohmer, Artbat, Adam Beyer e Nicole Moudaber. Todos esses remixes alcançaram as 10 melhores colocações do Beatport, com o remix de Artbat de ‘Return to Oz’ alcançando impressionantes 43 milhões de streams combinados.

Monolink trouxe sua performance ao vivo cativante para locais e festivais notáveis ​​em todo o mundo, incluindo Burning Man, Lightning in a Bottle, III Points, Tomorrowland, Osheaga, Melt, Montreux Jazz, e está confirmado para se apresentar no Coachella 2021. Sua primeira turnê como atração principal em toda a Alemanha e Suíça em 2018 foi tão popular que quatro datas adicionais foram adicionadas para acomodar a demanda, já que ele vendeu três shows no local de Säälchen em Berlim, vendendo mais de 6.000 ingressos em apenas oito semanas.

Enraizado em um fundo musical focado na guitarra, Monolink – também conhecido como Steffen Linck, conseguiu permanecer um dos seletores de techno melódico mais dinâmicos da cena, ultrapassando com muito bom gosto o produtor eletrônico e cantor e compositor ao vivo e incorporando a batida e o groove de música eletrônica em suas composições, criando os melhores exemplos de dance music melódica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

LARI HI LANÇA 'SAY HI' PELO CICLO RECORDS

Foto de abertura: Fabrizio Pepe A música “Say Hi“, da DJ e produtora Lari Hi, em parceria com Leo Bomeny, acaba de ser lançada pelo CICLO Records e já está disponível em todas as plataformas digitais. A faixa une elementos originais e surpreende com a síntese do Brass feita de […]