CONHEÇA SCORZ, O BRASILEIRO QUE VEM CONQUISTANDO ARMIN VAN BUUREN

SUPORTE WOR

Matéria por João Pedro Cavalcanti

O DJ/Produtor Diego Fonseca, natural de São Paulo, com uma carreira de sucesso como Ghost Producer, vem despontando na cena internacional com seu mais novo projeto intitulado Scorz.

O brasileiro é um dos poucos assinados na gravadora Armada Music, Label
ganhadora de diversos prêmios IDMA (International Dance Music Awards) como melhor selo, onde o dono é Armin Van Buuren, 5 vezes Melhor DJ do Mundo pela Revista DJ Mag, além de remixes para grandes nomes como Dubvision, Afrojack e John O’Callaghan.

Com uma chegada avassaladora no streaming batendo mais de 280 mil ouvintes mensais em menos de 3 meses, Scorz vem ganhando diversos suportes de “Big names” da cena como: Armin van Buuren, Afrojack, Hardwell, Nicky Romero, Ferry Corsten e Sander van Doorn. Seu som é uma miscelânea de Progressive House e techno melódico com uma bateria marcante em cada faixa.

Com uma longa jornada até realmente lançar seu projeto, a virada veio no final de 2020 quando fechou acordo com a gravadora Armada Music e marcou sua estreia com o single “Come to life”. A faixa foi considerada a “Tune of the year” por ninguém menos que Armin van Buuren, que vem sendo tocada desde A State of Trance até um grande suporte no Tomorrowland.

Nossa, isso foi uma surpresa muito grande! Um amigo me chamou no WhatsApp e falou: dê uma olhada na Q/A do Armin no Top 100 DJs. Quando abri a página e vi que a música do ano eleita por ele era a “Come To Life”, não entendi nada, porém, fiquei muito feliz, Armin van Buuren foi, e é uma das minhas maiores referências, e, creio que também seja de grande parte dos djs/produtores do mundo todo. Hoje eu tenho orgulho de dizer que ele é o maior apoiador do meu trabalho, é incrível todo suporte que ele tem me dado!

conta Scorz

Apesar de ter produzido a “Come To Life” em 2020, o processo de
desenvolvimento dela começou muito tempo atrás, em 2014. Nesse ano eu havia feito um collab com um amigo e chamamos a Diana Leah para ser a vocalista, ela então gravou os vocais da então “Come To Life”, porém, meu amigo e a gravadora não gostaram do vocal! Eu fui contra, porém concordamos em não usar os vocais, no entanto, sabendo do seu
potencial, guardei os vocais para produzir uma outra track no futuro, foi então que em 2020 eu resolvi produzir a “Come To Life”. Fiquei tão animado que acabei produzindo a track do começo ao fim usando apenas meu notebook e headphones.

finaliza

E neste mês, o artista da Armada nos adiantou com exclusividade dois dos seus novos lançamentos, o primeiro que chega nesta sexta-feira, 12, é o remix de “Don’t Leave Me Now” de Lost Frequencies.

É muito gratificante! Me sinto honrado por ter a oportunidade e apoio de remixar obras de artistas desse porte, ainda mais com um projeto tão novo no mercado.

desabafa

Já o segundo lançamento do mês é uma track autoral intitulada “Poison” que chega no dia 26/02, contém uma boa dose de elementos analógicos, um baixo marcante e uma letra profunda, assim te envolvendo em cada segundo. “Poison” apresenta uma mensagem de que sempre haverá luz na escuridão causada por incertezas e frustrações. E você pode realizar o pré-save de “Poison” clicando aqui!

Acompanhe Scorz nas redes sociais clicando aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

MONOLINK APRESENTA 'THE PREY', TERCEIRO SINGLE DE SEU PRÓXIMO ÁLBUM

Levando uma onda notável de sucesso por trás de seus dois grandes singles de 2020, ‘Sinner’ e ‘Otherside’, Monolink agora busca emular esse esforço em 2021, com o lançamento de sua próxima oferta hipnotizante, ‘The Prey’. Lançado nesta sexta-feira (19) pela Embassy One, Ultra Records e Sweat It Out, ‘The […]